Translate

quarta-feira, 14 de julho de 2010

PORTUGAL GASTRONÔMICO

FUI, GOSTEI E VOU VOLTAR
(Do nosso correspondente em Portugal, Alberto Oliveira)



CASA AROUQUESA em Repeses, VISEU
Vindo de Sul ou do Norte pela A1 Lisboa Porto, sair para o IP 3 em Coimbra para Viseu ou Vindo de Trás-os-Montes ou da Espanha pela  A 24 de Vila Real sair a mesma para Viseu.
Sem qualquer tipo de suspeição mas a Raça Arouquesa é realmente a melhor carne de Portugal, já que os vitelos são criados nas serras da Mó e da Freita a volta de Arouca a Capital do Mundo como queria o nosso eterno Comendador.
Filial requintada do famoso Zé do Mota, de Alvarenga, uma das 17 freguesias do Concelho de Arouca, pode-se escolher a posta que vem dividida em duas e acompanhada com batatas fritas ou em alternativa, ainda mais saborosa simplesmente estufada e colada aos ossinhos, dos quais vai se desvencilhando e ao mesmo tempo desfiando-se a nossa frente sem qualquer esforço em meio as batatas coradas, estas por sua vez a dormitar em um molho simplesmente divino a borbulhar em uma tigela de barro.
O segredo é que o próprio Mota escolhe as suas reses, obriga a que seja respeitado o corte a seu jeito e ainda dá-se ao luxo de olhar para o lado e ver que a mesma carne se não passar pelas suas mãos toma logo um sabor diferente.
Talvez porque já se fazia tarde, fomos atendidos por 3 pessoas diferentes, e finalmente chamamos o dono que senta-se junto a nós e pede o seu verde tinto favorito. Nada de maior se não fosse mesmo de Alvarenga. Entre dois dedos de prosa lá vamos lembrando de tempos idos dos anos 70 e 80 em que a Pensão Alexandre fervilhava nos copos d’água em larga escala dos casórios lá do Burgo, ou melhor, de gente que vinha de todo o lado.
Nós que não somos assim tão valentes, ficamos por um maduro tinto, para variar, Douro DOC, Quinta do Crasto. Preço bom e a  18º C é mais do que suficiente. Aliás a garrafeira climatizada permite escolhas mais do que variadas em quantidade e qualidade.
A sala de chuto fica restrita ao lado de fora onde um sofá permite que os fumadores respeitem as leis em vigor.
Se não conseguir dar com o sítio pelo GPS, basta ligar para o Rui que ele vem ter convosco, mas tomando o caminho para o IP3 não fica muito longe do Instituto Politécnico.
AO

Nenhum comentário:

Postar um comentário